Guia para a crise

A crise financeira global afectou significativamente as contas públicas portuguesas. O Governo anterior, liderado por José Sócrates, pediu apoio financeiro externo. A União Europeia e o Fundo Monetário Internacional aceitaram emprestar 78 mil milhões de euros a Portugal. Em contrapartida, o país teve de adoptar uma série de medidas de austeridade, algumas decididas já pelo Governo de coligação CDS/PSD. Saiba o que vai afectar a sua vida mais directamente e quais são os impostos que sobem. Saiba ainda como é que se pode defender da crise e veja quanto é que vai perder em Dezembro, mês em que os portugueses vão pagar ao Estado uma sobretaxa
extraordinária – basta consultar o simulador da Renascença.

SAIBA QUANTO VAI PAGAR COM O NOVO IMPOSTO

RETENÇÃO NA FONTE DE TRABALHADORES POR CONTRA DE OUTREM E PENSIONISTAS - VALOR A PAGAR ATÉ 23 DE DEZEMBRO DE 2011

[O cálculo é apenas indicativo, refere-se a rendimentos sujeitos a IRS, não engloba mais-valias e tem por base a informação conhecida actualmente. O simulador toma por base as tabelas de retenção do continente e a fórmula apresentada pelo Ministério das Finanças]